terça-feira,

20/02/2024

Joinville/SC

Search
Close this search box.

Zé Trovão é acusado de agressão pela ex-noiva, Deputado nega

A Justiça do Distrito Federal concedeu medidas de proteção à ex-noiva do deputado Zé Trovão (PL-SC) após ela acusá-lo de agressão, violência psicológica e ameaças.

O juiz Carlos Fernando Fecchio dos Santos, da 3ª Vara de Violência Doméstica e Familiar de Brasília, tomou a decisão com base no depoimento de Ana Rosa Schuster, ex-noiva do deputado.

Para garantir a segurança de Schuster, o juiz ordenou que Zé Trovão se afaste do lar, permitindo que ele leve apenas itens como vestuário, documentos e utensílios de trabalho, além de informar às autoridades competentes seu novo endereço dentro de 48 horas.

A decisão também proíbe o parlamentar de entrar em contato com sua ex-companheira por meio de ligações, WhatsApp, e-mails, redes sociais, ou qualquer outro meio. Além disso, foi estabelecido que ele mantenha uma distância mínima de 300 metros de Schuster.

O magistrado determinou ainda o retorno da ex-noiva à residência onde moravam, já que ela foi retirada da casa conforme seu depoimento.

Nesta segunda-feira (20 de novembro), Zé Trovão abordou o caso por meio de um vídeo no Instagram, negando as acusações feitas contra ele. Ele afirmou que suas ações foram para conter possíveis agressões, sem mencionar, no entanto, a decisão judicial que concedeu medidas protetivas.

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo