Sabado, 16/10/2021
Joinville - SC

Voluntários e servidores que auxiliaram na ação emergencial de inverno são homenageados

agosto 5, 2021
Voluntários e servidores que auxiliaram na ação emergencial de inverno são homenageados
Compartilhar
Ouvir publicação

Os voluntários que ajudaram na primeira ação emergencial de inverno em Joinville foram homenageados na noite de quarta-feira (4/8). As cerca de 170 pessoas que trabalharam – entre servidores e voluntários – voltaram ao Ginásio Abel Schulz, onde a ação foi realizada, para receberem um botton e um certificado de Cidadão Social.

“Quando recebemos o alerta da frente fria, imediatamente decidimos montar o Abrigo Emergencial. Conseguimos atrair pessoas que se dedicaram de corpo e alma, foram cidadãos fazendo um lugar melhor para viver. Quero agradecer todos! Ações como essa só acontecem quando a gente se une pelo bem comum”, disse o prefeito Adriano Silva.

Ao lado dele e da vice-prefeita Rejane Gambin, estava uma das pessoas beneficiadas com a iniciativa, a catadora de materiais recicláveis, Aparecida Moraes Fernandes. “Eu quero a felicidade de todos vocês”, declarou emocionada.

“Foi uma construção de time, o que nos unia era a vontade de fazer pelo outro. Ganha mais quem dá, do que quem recebe, esse foi o sentimento de todo mundo”, afirmou a vice-prefeita Rejane Gambin.

A secretária de Assistência Social, Fabiana Cardozo, contou que os resultados alcançados com o trabalho foram positivos. “Encaminhamos pessoas em situação de rua para o mercado de trabalho, comunidades terapêuticas e internação. A gente conseguiu porque vocês fizeram a diferença. Só temos a agradecer”.

Para os voluntários também foi especial. Além de integrantes do Corpo de Bombeiros Voluntários, Defesa Civil, Grupo de Resgate em Montanha, Polícia Militar, Samu, muitos eram pessoas da comunidade que queriam ajudar. Como o voluntário Jonas Roberto de Lima, que ficou impressionado com a organização.

“Como é bom participar desse tipo de ação, no coletivo, sem nenhum tipo de preconceito e discriminação. Eu fiquei na arquibancada, oferecendo as roupas para quem chegava. A união faz a força, essa ação trouxe ainda mais consciência para todos que participaram”, disse o voluntário.

O Abrigo Emergencial no Ginásio Abel Schulz funcionou durante seis noites e 277 vagas foram ocupadas. As pessoas em situação de rua receberam novas peças de roupa, kit de higiene, jantar e café da manhã.

A Prefeitura oferece permanentemente opções de acolhimento para este público. “Hoje, a Secretaria de Assistência Social tem 20 vagas na Casa de Passagem Vó Joaquina e cinco vagas na Essência de Vida, via convênio”, informa Fabiana.

Durante o inverno, estão abertas ainda 50 vagas na Casa Vó Joaquina e 40 vagas na Comunidade Eis-me Aqui. Para pernoitar é preciso fazer o cadastro prévio no Centro POP.

Block