quarta-feira,

22/05/2024

Joinville/SC

Search
Close this search box.

Vila do Oca passa a ter iluminação pública e energia elétrica regularizada nas residências

 

“Eu ultimamente não estava mais acreditando, né? Mas agora eu tô, porque eu vi. Tô muito feliz, tô tremendo ainda. Vou botar um ar-condicionado, um chuveiro maior”, foi assim que Ingrid de Oliveira, primeira moradora da Vila do Oca a ter a energia elétrica regularizada comemorou quando a luz foi acesa.

O que para a maioria da população joinvilense é rotina, para os moradores da Vila do Oca, até esta quarta-feira (24) era incerteza.

Chegar em casa, tomar um banho, ligar o ventilador, investir na compra de novos eletrodomésticos com tranquilidade era um sonho que 81 famílias que moram nessa localidade tinham e, que a partir de agora, vai virar realidade.

Isso porque o local não havia rede de iluminação pública e a energia chegava até às residências por meio de ligações irregulares.

Na quarta-feira (24/1), a Prefeitura de Joinville, por meio da Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra), realizou a entrega da obra de ampliação de iluminação pública da Vila do Oca, iniciativa que já começou a transformar a vida das famílias residentes no local.

Na ocasião, moradores e lideranças da comunidade comemoraram a novidade e apreciaram o novo cenário com a rua agora iluminada pelos postes instalados pela Seinfra.

Em outro momento especial, a Celesc realizou a ligação de uma unidade consumidora, marcando a chegada da energia elétrica também às residências.

“Com certeza essas pessoas vão ter mais segurança nos seus lares. Também vão ter a possibilidade de se desenvolver, ter equipamentos dentro de casa.

A prosperidade vai aumentar aqui na Vila do Oca e as futuras gerações terão melhores condições que seus pais que lutaram até hoje por essa grande conquista, por dignidade”, afirma o prefeito Adriano Silva.

Wilson de Lara mora na Vila do Oca há 16 anos, onde tem um pequeno comércio. Ele conta as dificuldades que eram comuns entre todos os vizinhos.

m sofrimento. Quando vai tomar banho, desarma o disjuntor. Um freezer, um forninho elétrico, não dá para ter. O plano, desde o início, era a melhoria para todo mundo. Para mim, no comércio, vai ser melhor, posso ter um freezer, uma geladeira melhor. É uma alegria, uma honra”, diz o comerciante.

“Agora vai ter segurança com a iluminação pública.

Ultimamente, eu nem tava indo para a igreja porque era muito escuro, agora a gente vai para o culto. É uma bênção de Deus. Só vendo mesmo, como eu tô vendo, para acreditar”, afirma Ingrid.

“Essa obra tem uma importância imensurável, porque é uma luta de muitos anos. As famílias vão passar a ter mais dignidade.

Chega de viver com rabicho, com risco de tragédia, de pegar fogo. A gente está trazendo dignidade para esse povo que lutou muito com a gente por isso”, comemora o vereador Diego Machado, presidente da Câmara de Vereadores.

Luz para todos

A ampliação da rede de iluminação pública realizada pela Prefeitura de Joinville na Vila do Oca teve investimento de R$ 580 mil, garantidos com recursos da Contribuição para Custeio do Serviço de Iluminação Pública (Cosip).

As obras foram executadas pela Quantum Engenharia Ltda, empresa vencedora da licitação.

Além da ampliação da iluminação pública, a Prefeitura de Joinville, por meio da Secretaria de Habitação (Sehab) solicitou a inclusão da comunidade da Vila do Oca que participa do projeto de Reurbanização Fundiária (Reurb), no projeto “Sou Legal, Tô Ligado! 4”, realizado pela Celesc em parceria com a ANEEL.

Com isso, as 81 famílias da comunidade estão recebendo gratuitamente os kits de postes padrão de entrada de energia elétrica, os populares “kits postinhos”, com investimento da Celesc de R$ 270 mil.

“A gente conseguiu entrar nessa comunidade entregando mais de 80 kits para eles, a partir de uma obra importante feita pela Prefeitura, que entregou a infraestrutura necessária. Com isso, a Celesc consegue que a comunidade acesse a energia elétrica.

A infraestrutura da rede elétrica foi construída, está pronta, agora a Celesc instala os postes e depois cada residência vai ter sua conexão feita”, explica Wagner Felipe Vogel, gerente regional da Celesc em Joinville.

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo