Sexta, 24/09/2021
Joinville - SC
fevereiro 27, 2020
Compartilhar
Ouvir publicação

O técnico Valdir Espinosa morreu na manhã desta quinta-feira (27/02/2020), vítima de complicações pós-operatórias no intestino. Em seu currículo, um título mundial pelo Grêmio, em 1983, e um carioca, pelo Botafogo, em 1989, que tirou o Alvinegro de uma fila de 21 anos.

 a

[ads1]

[ads2]

[ads1]

Mesmo aos 72 anos, Espinosa não tinha planos de se aposentar. Desde dezembro do ano passado, ele exercia a função de gerente técnico do Botafogo. Gaúcho de Porto Alegre, Espinosa foi formado na base do Grêmio e estreou no profissional em 1968, quando foi campeão estadual. Era lateral-direito, com passagens por Vitória, CRB e Esportivo-RS.

Além de Grêmio e Botafogo, em 40 anos como treinador, trabalhou no Flamengo, Fluminense, Vasco, Corinthians, Palmeiras e Portuguesa. Treinou também clubes na Arábia Saudita, Paraguai e Japão.

Sua empresa em destaque, Informações só clicar aqui

[ads2]

[ads1]

[ads2]

Block