Quarta, 29/06/2022
Joinville - SC
fevereiro 4, 2020
Compartilhar
Ouvir publicação

O primeiro júri popular do ano de 2020 terminou com a condenação de um homem a 37 anos e 10 meses de reclusão, em regime fechado. Felipe Cardoso Gonçalves, foi condenado por: 16 anos pelo homicídio consumado, 16 anos pelos dois homicídios tentados e mais 5 anos e 10 anos por tráfico de drogas.

 a
 a

[ads1]

[ads2]

O réu já estava detido no Presídio Regional de Joinville e continuará no Complexo Prisional de Joinville. A sessão de julgamento foi presidida pelo juiz Gustavo Aracheski, titular da Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Joinville. Ricardo Paladino foi o promotor.

Maratona dos 120 júris estão programados para 2020 na comarca de Joinville

Para 2020, os júris populares em Joinville acontecerão todas as terças, quartas e quintas-feiras, com horários iniciando às 9h ou às 13 horas (dependendo do dia).
De acordo com o juiz Gustavo Aracheski, a expectativa é de realizar de 120 a 130 sessões de julgamento até o final do ano. “Somente nos meses de fevereiro e março, estão designados 21 júris todos envolvendo casos com réus presos”, explica o magistrado.
Além disso, a intenção é de zerar o número de processos antigos que se avolumaram nos últimos anos. Em 2019, o Tribunal do Júri da Comarca de Joinville contabilizou 101 sessões de julgamento.

Participe do grupo de TELEGRAM  do Aconteceu em Joinville – Clique Aqui a

[ads1]

[ads2]

Block