Terça, 24/05/2022
Joinville - SC
fevereiro 11, 2020
Compartilhar
Ouvir publicação

Na tarde desta terça-feira (11), a Polícia Civil de Joinville, através da 2ª Delegacia Regional de Polícia, em conjunto com o Instituto Geral de Perícias (IGP) e Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc), realizou uma operação com o objetivo de coibir os crimes de furto de energia elétrica na cidade de Joinville.

 a
A

[ads1]

[ads2]

Em diligências realizadas nos bairros Bucarein, Itaum e Vila Nova em residências e estabelecimentos comerciais, duas pessoas foram presas em flagrante por furtar energia elétrica (Art. 155, 3º, do CP), um dos estabelecimentos vistoriado teve suas atividades suspensas, por além de furtar energia, não possuía o devido alvará de funcionamento.

Somente no período de Janeiro à Setembro de 2019, a CELESC registrou prejuízo de R$ 37,6 milhões de reais, valor este que acaba sendo rateado entre os consumidores pagantes e em situação regular.

Além disso, as ligações clandestinas podem sobrecarregar a rede elétrica e colocar em risco a segurança de moradores próximos. Assim, este prejuízo também é seu, portanto, se tiver conhecimento de ligações elétricas clandestinas, denuncie.

Sua empresa em destaque, Informações só clicar aqui

[ads1]

[ads2]

 

 

 

Block