Terça, 26/10/2021
Joinville - SC

OAB Joinville acompanha desdobramentos que resultou na prisão de sete advogados

agosto 11, 2021
OAB Joinville acompanha desdobramentos que resultou na prisão de sete advogados
Compartilhar
Ouvir publicação
Uma operação denominada “sob encomenda” deflagrada na última quarta-feira (4) em Joinville, cumpriu oito mandados de prisão preventiva e 30 mandados de busca e apreensão contra uma organização criminosa que estaria envolvida com tráfico de drogas e também facilitava a entrada de celulares em presídios.
A Ordem dos Advogados do Brasil de Santa Catarina (OAB/SC) informou que vai apurar a acusação. De acordo com o MPSC, a operação é resultado de uma investigação que apura a prática de crimes como organização criminosa, tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, corrupção ativa e passiva, associação criminosa e inserção de telefones celulares em unidades prisionais.
A OAB Joinville, por meio da sua diretoria e das Comissões de Defesa, Assistência e Prerrogativas e a da Mulher Advogada, atuou na defesa das prerrogativas, nesta quarta-feira (04), junto a uma operação, feita pela 13ª Promotoria de Justiça da comarca de Joinville com apoio do Gaeco (Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas) e auxílio da DIC (Divisão de Investigação Criminal).
Na operação, que tinha alvos em Joinville, Garuva entre outros municípios, a instituição acompanhou o cumprimento de mandados de prisão preventiva e busca e apreensão em residências de advogados e escritórios de advocacia.
A atuação atendeu o disposto no Estatuto da Advocacia que prevê a inviolabilidade do escritório e dos equipamentos profissionais. E garantiu a lisura do procedimento e o respeito das autoridades aos objetos dos mandados.

Block