Segunda, 15/08/2022
Joinville - SC

Noite de Gala, K-Pop e Oficina de Dança Inclusiva são alguns dos destaques do sexto dia do 39º Festival de Dança

julho 23, 2022
Noite de Gala, K-Pop e Oficina de Dança Inclusiva são alguns dos destaques do sexto dia do 39º Festival de Dança
Compartilhar
Ouvir publicação

A programação de 24 de julho, o sexto dia do 39º Festival de Dança de Joinville, trará um dos momentos mais aguardados do evento: a Noite de Gala. O espetáculo “ST Tragédias” é dirigido por Ana Botafogo e Marcelo Misailidis e protagonizado por Mayara Magri e Matthew Ball, primeiros bailarinos da Royal Opera House, de Londres. O toque internacional do domingo estará presente também com o K-Pop, atração especial voltada aos fãs da música coreana. Outro ponto alto do domingo será a Oficina de Dança Inclusiva.

Inscreva-se em nosso canal no YouTube!

As principais atrações

3º K-Pop Joinville Festival é espaço para fãs da cultura pop coreana

No dia 24 de julho, às 15h, os hits coreanos, coreografias e lipsync vão tomar conta do Teatro Juarez Machado na final, ao vivo, do 3º K-Pop Joinville Festival. A banca de jurados avaliará os critérios dança, presença de palco e performance. Haverá premiações em dinheiro de R$ 500 (terceiro lugar), R$ 800 (segundo lugar) e R$ 1,5 mil (primeiro lugar). Além disso, os grupos selecionados são convidados a apresentar suas coreografias nos Palcos Abertos do Festival.

Sobre o K-Pop Joinville Festival

O K-Pop Joinville Festival é uma co-produção da equipe de eventos K-Plus com o Festival de Dança de Joinville que surgiu em 2019 e teve sua segunda edição realizada em 2021. A atração é um espaço dedicado aos apreciadores do k-pop, estilo surgido na Coreia do Sul e que ganhou visibilidade no Brasil, em grande parte, pela popularidade de artistas como o grupo BTS e o rapper Psy, do hit viral “Gangnam Style”.

Serviço

• O quê: 3º K-Pop Joinville Festival.
• Quando: 24 de julho de 2022, às 15h.
• Onde: Teatro Juarez Machado, que fica anexo ao Centreventos Cau Hansen (Avenida José Vieira, 315, América, Joinville).
• Mais informaçõeshttps://festivaldedancadejoinville.com.br/k-pop/.

Oficina de Dança Inclusiva

Juliana Crestani ministrará a Oficina de Dança Inclusiva no dia 24 de julho, às 15h, no Saltare Centro de Dança. O objetivo da capacitação é promover a reflexão do corpo e o movimento por meio de estudos realizados na diversidade, deficiências e necessidades especiais.

Serviço

• O quê: Oficina de Dança Inclusiva.
• Quando: 24 de julho, às 15h.
• Onde: Saltare Centro de Dança (Orestes Guimarães, 406, América).
• Quantogratuito.

Shakespeare e Tchaikovsky darão o tom da Noite de Gala

A Noite de Gala retorna à programação do Festival de Dança de Joinville para a 39º edição. No dia 24 de julho, às 19h, Marcelo Misailidis e Ana Botafogo comemorarão, no palco do Centreventos Cau Hansen, as três décadas de parceria artística. A dupla irá dirigir “ST Tragédias”, que unirá as obras consagradas “Otelo, o Mouro de Veneza” e “Romeu e Julieta”, de Shakespeare, ao som de Tchaikovsky.

18 bailarinos terão o desafio de dar vida ao espetáculo no palco e transmitir toda a carga emocional contida nas histórias. A grande atração da Noite de Gala tem as participações especiais confirmadas de Mayara Magri e Matthew Ball, primeiros bailarinos da Royal Opera House, de Londres, como intérpretes de Romeu e Julieta. O talento de Mayara já foi reconhecido, inclusive, no próprio palco do Festival de Dança de Joinville, em 2010, quando foi premiada como a melhor bailarina da 28ª edição do evento.Já a contribuição de Ana Botafogo será em somar com Marcelo Misailidis na direção e remontagem do projeto.

Conforme o diretor, “ST Tragédias” é um espetáculo de natureza clássica, pela temática das obras de Shakespeare, que são clássicos da literatura mundial, e pela partitura musical de Tchaikovsky, que é o principal compositor das grandes obras do repertório do balé clássico, mas não significa que a noite será totalmente clássica. “‘Othelo’ certamente terá uma influência contemporânea na estética, mesmo tendo bailarinos com formação acadêmica. É uma obra com temática muito atual, ao falar do feminicídio e do preconceito racial, um assunto ainda muito recorrente”, avalia.

Marcelo Misailidis

Marcelo Misaillidis é encenador, diretor artístico e coreógrafo, com formação superior em Licenciatura em Dança. Foi primeiro bailarino do Theatro Municipal do Rio de Janeiro; diretor artístico da Cia BTM de 2006 a 2008; e criou e dirigiu espetáculos para balé e ópera no Theatro Municipal. Marcelo tem uma longa e relevante trajetória no Festival de Dança de Joinville. Iniciou como participante, quando concorreu e conquistou premiações. Posteriormente, atuou como convidado, ao lado de estrelas da dança como Ana Botafogo e Cecilia Kerche. Encenou o espetáculo próprio “Os Último Dias de Nijinsky”, como diretor do Ballet do Theatro Municipal; e já levou “O Lago dos Cisnes” para a abertura do Festival. Foi também o responsável pela criação da atração da Noite de Gala dos 35 anos do Festival, que homenageou o artista plástico Juarez Machado. Além disso, atuou como jurado, professor e curador artístico. Atualmente, é um dos conselheiros do Festival.

Ana Botafogo

Ana Botafogo é formada em Licenciatura em Dança, no Rio de Janeiro. Iniciou sua carreira na França, quando integrou o Ballet de Marseille, de Roland Petit. Foi Bailarina Principal do Teatro Guaíra, da Associação de Ballet do RJ e, em 1981, ingressou no Theatro Municipal do Rio de Janeiro como Primeira Bailarina, onde permanece até hoje. Já se apresentou em vários países da Europa e das Américas do Norte, Central e do Sul. A divulgação da dança é uma preocupação constante de Ana Botafogo, que leva sua arte para todos os cantos do Brasil, assim como ministra palestras com o intuito de estimular jovens bailarinos aos encantos da profissão. Assumiu, em 2015, a Direção do Ballet do Theatro Municipal do RJ.

Serviço

• O quê: Noite de Gala com “ST Tragédias”.
• Quando: 24 de julho, às 19h.
• Onde: palco principal do Centreventos Cau Hansen (Avenida José Vieira, 315, América, Joinville).

 

Legenda: Mayara Magri e Matthew Ball, primeiros bailarinos da Royal Opera House, de Londres, serão os intérpretes de Romeu e Julieta.

Mais atrações de 24/7

Mais de 100 oportunidades na programação didática

Na 39ª edição, a programação didática ocorre de 19 a 30 de julho e é composta por mais de 100 cursos, oficinas e workshops. Entre as novidades, há um curso destinado a pessoas com deficiência intelectual e outro voltado para professores que queiram trabalhar com PcDs DI.


WorkshopsO Instituto Festival de Dança de Joinville oferece dez oportunidades para aprimoramento das técnicas de por meio dos workshops da 39ª edição do evento. As capacitações vão ocorrer nos dias 24 e 25 de julho, no Saltare Centro de Dança e na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil. Os ministrantes são profissionais dos grupos classificados em primeiros lugares em 2021. As vagas são limitadas. Informações e inscrições: https://festivaldedancadejoinville.com.br/workshops/

• 24/7, das 8 às 10h: “Jazz Intermediário “, com Jeff Oliveira, na Sala Só Dança, do Saltare.
• 24/7, das 14 às 16h: “Composição Coreográfica”, com Roberto Skiante, na Sala Bloch, do Saltare.
• 24/7, das 14 às 16h: “Dinâmica e Acentuação Intermediário”, com Duda Moura, na Sala Só Dança, do Saltare.
• 24 e 25/7, das 8 às 10h: “As Linhas e Curvas dentre o Clássico e o Contemporâneo”, com Marco Sanches, na Sala 01, do Bolshoi.
• 24 e 25/7, das 8 às 10h: “Jazz Dance”, com Lucas Mendes, na Sala 10, do Bolshoi.
• 24 e 25/7, das 10h30 às 12h30: “Musicalidade Básica para Dança”, com Bruna Miragaia, na Sala Só Dança, do Saltare.
• 24 e 25/7, das 16h30 às 18h30: “Bolywood Dança Indiana”, com Giovane Mackmillann, na Sala Só Dança, do Saltare.

Serviço

• O quê: workshops do 39º Festival de Dança de Joinville.
• Quando: 24 e 25 de julho.
• Onde: Saltare Centro de Dança (Orestes Guimarães, 406, América, Joinville) e na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil (Avenida José Vieira, 315, América, Joinville).
• Informações e inscriçõeshttps://festivaldedancadejoinville.com.br/workshops/

Reencontro das Ruas retorna à programação do Festival de Dança

O Reencontro das Ruas retorna neste ano à programação do Festival de Dança de Joinville. A atração voltada para linguagens de arte e cultura urbana surgiu em 2006 e, nesta 39ª edição, é realizada nos dias 23 e 24 de julho. Conforme o produtor Kako Zapelini, os dançarinos e MCs podem fazer as inscrições gratuitamente, no dia do evento. “O Reencontro será de grande importância, o Festival só tem a ganhar com esse intercâmbio cultural”, avalia.

A programação do dia

Breaking Olímpico
• 23 e 24 de julho: o Campeonato Brasileiro de Breaking será válido para classificação nas OIimpíadas de 2024, com direito também a concessão de passagens e apoio para despesas de hospedagem e alimentação. No dia 24, às 8h30, haverá o credenciamento de atletas; às 9h30, a roda de conversa “O Breaking nos Jogos Olímpicos”; às 10h30, a seletiva masculina; às 11h30, a seletiva feminina; às 14h, a competição Top 16 + Top 8 – feminino; às 15h, a competição top 16 + Top 8 – masculino; e às 17h, a competição semifinal/final – feminina/masculina e a entrega da premiação.

Batalha de MC
• 24 de julho, a partir das 13h: na Batalha de MC, o DJ solta uma base instrumental e cada participante terá um tempo determinado para rimar sobre ela. A competição terá início às 13h; seguida pelas quartas, às 16h; e final, às 18h. Os jurados Amazona, Malcon e Sangue Bom vão avaliar critérios como técnica e métrica para definir quem será o vencedor do prêmio de R$ 1 mil.

Serviços

• O quê: Reencontro das Ruas.
• Quando: 23 e 24 de julho.
• Onde: Centreventos Cau Hansen (avenida José Vieira, 315, América) e EEB Germano Timm (Eduardo Krisch, 406, América)
• Quanto: gratuito. 

Museu da Dança de Joinville

O Museu da Dança de Joinville estará aberto ao público todos os dias, das 9 às 20h. O espaço está localizado na rua Vargeão, 79, América. Participantes com crachá pagam meia-entrada.

Serviço

• O quê: Museu da Dança de Joinville.
• Quando: todos os dias, das 9 às 20h.
• Onde: rua Vargeão, 79, América.

Palcos Abertos

Entre os dias 19 e 30 de julho, 487 grupos se revezam para levar ao público 1.556 coreografias na programação de Palcos Abertos.

A programação do dia

Araquari

• Parque Municipal Refúgio dos Pássaros: das 15 às 17h. Rua Antônio Ramos Alvin, Centro.

Balneário Barra do Sul

• Ginásio Cláudio Roberto dos Santos: das 15 às 16h. Boca da Barra.

Joinville

• CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados) Aventureiro: das 14 às 17h. Rua Santa Luzia, 955, Aventureiro.

• Feira da Sapatilha: das 10 às 21h. Expocentro Edmundo Doubrawa, ao lado do Centreventos Cau Hansen (Avenida José Vieira, 315, América).

• Joinville Garten Shopping: das 11 às 20h. Avenida Rolf Wiest, 333, Bom Retiro.

• Praça Nereu Ramos: das 10h30 às 17h. Rua do Príncipe, Centro.

• Shopping Mueller: das 11 às 20h. Rua Visconde de Taunay, 235, Centro.

• Shopping Cidade das Flores: das 12 às 20h. Rua Mário Lobo, 106, Centro.

São Francisco do Sul

• Cine Teatro 10 de Novembro: das 15 às 17h. Rua Doutor Hercílio Luz, 50, Centro

Serviço

• O quê: Palcos Abertos.
• Quando: 19 a 30 de julho de 2022.
• Onde: Centreventos Cau Hansen (Avenida José Vieira, 315, América, Joinville) e palcos espalhados por Joinville e região.
• Quantogratuito.

Block