Sexta, 19/08/2022
Joinville - SC

Mulher suspeita de matar o marido alega legítima defesa

julho 7, 2022
Mulher suspeita de matar o marido alega legítima defesa
Compartilhar
Ouvir publicação

A Polícia Civil segue nas investigações sobre a morte de Anderson Leandro Carneiro, de 38 anos. A principal suspeita de cometer o crime é a esposa da vítima, também de 38 anos, que se apresentou e prestou depoimento na tarde desta quarta-feira (6), na Delegacia de Homicídios.

Inscreva-se em nosso canal no YouTube!

O crime foi cometido na madrugada de segunda-feira (4), em uma residência na rua Romelândia, bairro Boa Vista, zona leste de Joinville. Na noite anterior, houve uma festa na residência. A suspeita confessou ao seu advogado que havia matado o marido e fugido do local com seus dois filhos. Antes de fugir, ela tentou limpar o local para apagar vestígios do crime.

O advogado da suspeita foi até a delegacia e relatou o crime no início da tarde de terça-feira (5). As equipes da Delegacia de Homicídios e Polícia Científica foram até a residência e encontraram o corpo de Anderson.

Segundo o delegado Dirceu Silveira Junior, a suspeita relatou em depoimento que matou Anderson após uma discussão, alegando legítima defesa. Na madrugada do crime, a mulher afirmou que o marido teria tentado mata-la por sufocamento. Pra se defender, ela utilizou uma faca e uma marreta para golpeá-lo.

Embora não haja relatos anteriores de agressões por parte do homem, a suspeita afirmou em depoimento que ela já havia sofrido agressões em outras ocasiões.  Um inquérito policial foi instaurando e mais testemunhas serão ouvidas. A mulher irá responder em liberdade, mas não está descartado que seja solicitada a sua prisão preventiva.

 

Block