Sabado, 24/07/2021
Joinville

MP investiga descarte de testes para diagnosticar Covid-19 em Joinville

maio 22, 2021
MP investiga descarte de testes para diagnosticar Covid-19 em Joinville
Compartilhar
Ouvir publicação

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) investiga o descarte de 169 testes do tipo RT-PCR de Covid-19 em unidades de saúde de Joinville. Segundo o órgão, o descarte foi constatado durante um procedimento preparatório instaurado em janeiro para apurar uma possível omissão do município na disponibilização desses exames. Esta semana, o MPSC informou que prorrogou o prazo para conclusão da investigação.

Participe do grupo de Whatsapp Aconteceu em Joinville – Clique Aqui

A administração municipal afirma que eventuais descartes podem vir a ocorrer, uma vez que estes insumos são armazenados sob refrigeração em temperatura específica, e que a quantidade está abaixo do que é considerado normal.

Após o pedido de esclarecimentos iniciais feito pelo MPSC, a prefeitura de Joinville informou que foram descartados 100 testes enviados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Leste, 29 destinados a um hospital filantrópico a e outros 40 que estavam na Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) do bairro Vila Nova.

O órgão, também informou que o município terá que responder sobre o armazenamento de kits RT-PCR em locais em que não há gerador de energia elétrica. O MPSC solicitou ainda a comprovação dos estoques dos kits de testes e seus insumos, e esclarecimentos sobre o atual protocolo de utilização de exames para a detecção do coronavírus na cidade.

Participe das PROMOÇÕES do AJ no You Tube – Clique aqui e se inscreva

A promotora de justiça substituta, Adriane Nicoli Graciano, também determinou o encaminhamento do procedimento preparatório para a 13ª e 20ª Promotorias de Justiça “para conhecimento e providências que entender cabíveis com relação à possível ocorrência de ato de improbidade administrativa”. A informação foi divulgado no portal g1.com.

O que diz a prefeitura

Em nota, a prefeitura de Joinville informou que a cidade realizou 301.900 testes desde o início da pandemia. Segundo o município, é considerada normal uma “quebra técnica” de até 5% para este tipo de insumo.

“Joinville teve uma quebra técnica de 0,06%. Como são insumos que devem ser armazenados sob refrigeração em temperatura específica, a necessidade de eventuais descartes pode vir a ocorrer. A Prefeitura de Joinville trabalha com comprometimento e seriedade para evitar ao máximo a perda de insumos”, diz a nota.

Profissional do Laboratório Central de Saúde Pública de SC segura amostra de um teste de Covid-19 — Foto: Secretaria de Estado da Saúde/Divulgação

Siga-nos no nosso Instagram para receber notícias da região direto no seu celular. Para participar, basta CLICAR AQUI

Não é permitido replicar o conteúdo desse site.