Segunda, 16/05/2022
Joinville - SC
novembro 2, 2020
Compartilhar
Ouvir publicação

A mãe da criança de 3 anos que foi morta pelo pai na sexta-feira (30), no interior de uma residência da rua Olga Trusz Sboinsk, no bairro João Costa, zona Sul da cidade de Joinville será ouvida pela Polícia Civil ainda essa semana. O homem, após matar o filho a facadas, cometeu suicídio por enforcamento.

Participe do grupo de Whatsapp Aconteceu em Joinville – Clique Aqui

s
a
[ads1]
De acordo com o delegado responsável pelo caso Rafaello Ross, o casal estava juntos há cerca de cinco anos e que a união estava em crise por conta de que ele não estava trabalhando. “As oitivas de familiares, vizinhos e da mãe da criança devem acontecer no decorrer desta semana e ficarão sob responsabilidade da Delegacia de Homicídios. Estamos providenciando, por meio da Delegacia Regional de Polícia, um suporte psicológico para a mãe da criança, ela deve ser entrevistada e avaliada nesta terça-feira. Ainda pendem os laudos periciais do IGP, dentre os exames cadavéricos e de levantamento de local de crime” afirmou.
xxxxx
Após matar a criança, com um corte no pescoço, o homem cometeu suicídio. Ele ainda deixou um bilhete na cena do crime dizendo que a culpa do ocorrido seria da mãe da criança. A Delegacia Regional, está providenciando suporte psicológico para a mãe da criança, que deve passar por avaliação nesta terça-feira (3).

Block