segunda-feira,

15/04/2024

Joinville/SC

Search
Close this search box.

Mãe agradece equipes de socorro pelo atendimento ao filho após queda da cabine de caminhão

Neste domingo (07), uma família moradora no bairro Morro do Meio enfrentou um momento difícil quando seu filho de um ano e sete meses caiu da cabine de um caminhão.

Segundo Silda dos Santos, a mãe, o incidente aconteceu quando seu esposo, que é carreteiro, retornou para casa após uma viagem.

“Geralmente, os meninos sempre vão junto com ele para estacionar a carreta na rua ao lado”, explicou Silda.

No entanto, nesse domingo, o filho mais velho estava dormindo, e apenas o mais novo acompanhou o pai.

Enquanto o caminhão já estava estacionado, em questão de segundos, Gael Lucca, com apenas um ano e sete meses, entrou na cabine do caminhão do pai, que acabava de chegar de viagem, e acabou caindo, ferindo a testa ao cair em uma área com pedras.

“Por um momento, o bebê ficou parado, sem se mover nem chorar. Quando o pai o levantou, percebemos um grande ferimento e hemorragia na cabeça”, relatou Silda.

Imediatamente, eles levaram a criança para dentro de casa e, em seguida, dirigiram-se à unidade 7 dos Bombeiros Voluntários de Joinville, na Rua Minas Gerais, em busca de atendimento médico urgente.

“No local, a equipe nos atendeu prontamente e com muito carinho, tanto o nosso filho quanto nós, que estávamos em estado de choque. Fizeram os primeiros socorros ali”, agradeceu a mãe.

A criança recebeu os primeiros atendimentos na unidade. Posteriormente, uma ambulância do SAMU foi acionada e o pequeno foi conduzido ao Hospital Infantil para receber cuidados médicos adicionais.

Emocionada, a mãe agradeceu as equipes de socorro

“Não tenho palavras para expressar minha gratidão à equipe dos Bombeiros Voluntários de Joinville e ao SAMU. O cuidado e a rapidez com que atenderam meu filho foram além do que eu poderia esperar. Vocês são verdadeiros heróis, obrigada por salvarem a vida do meu pequeno com tanta dedicação e carinho.”

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo