Domingo, 03/07/2022
Joinville - SC

Joinville realiza etapa municipal da Conferência de Saúde Mental

março 25, 2022
Joinville realiza etapa municipal da Conferência de Saúde Mental
Compartilhar
Ouvir publicação

Joinville realiza a 5ª etapa municipal da Conferência de Saúde Mental de Santa Catarina. O evento começou nesta sexta-feira (25) e vai até sábado (26), no auditório da Unisociesc. A realização é do Conselho Municipal de Saúde e da Secretaria de Saúde de Joinville.

 

A primeira noite da conferência foi aberta com a apresentação do Coral Maria Carola Keller, formado por funcionários e voluntários do Hospital Dona Helena. Em seguida, os participantes acompanharam a palestra “A política de Saúde Mental como direito: pela defesa do cuidado em liberdade, rumo a avanços e garantias dos serviços da atenção psicossocial no SUS” e “Resgate histórico da Saúde Mental em Joinville”, com a psicóloga Sandra Lúcia Vitorino. A palestrante é psicóloga e coordenou o Serviço de Saúde Mental de Joinville e a Rede de Atenção Psicossocial do município.

“A realização da conferência vem ao encontro a Lei 8.142, que fala da participação cidadã no que tange a saúde. Aqui, é possível que todos os 160 inscritos possam discutir, avaliar e propor ações para política pública de saúde”, explica Cleia Aparecida Clemente Giosole, conselheira municipal e coordenadora da comissão organizadora da Conferência da Saúde Mental de Joinville.

Após a palestra, uma roda de conversa sobre vivências em Saúde Mental foi realizada. “O objetivo da conferência é avaliar, fiscalizar e acompanhar as ações do município frente a políticas de saúde mental. A partir das propostas levantadas, o Conselho Municipal vai aprovar a Política Municipal de Saúde Mental de Joinville. Daqui, sairão cinco propostas de cunho estadual e nacional para que os delegados eleitos para a Etapa Macrorregional possam defender as propostas de Joinville para as diretrizes estadual e nacional”, explica Cleia.

No sábado, a conferência começa às 8h. A programação terá um painel multidisciplinar da Saúde Mental com quatro eixos. O Eixo 1 traz o tema “Cuidado em liberdade como garantia de direito à cidadania”.

O Eixo 2 tem como discussão “Gestão, financiamento, formação e participação social na garantia de serviços de Saúde Mental”. O terceiro vai abordar “Política de Saúde Mental e os princípios do SUS: universalidade, integralidade e equidade”. E, por fim, “Impactos da Saúde Mental da população e os desafios para o cuidado psicossocial durante e pós pandemia”.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Block