Sabado, 02/07/2022
Joinville - SC

IMA emite a segunda etapa da licença de instalação para o Terminal de Gás Sul na Baía da Babitonga

dezembro 10, 2021
IMA emite a segunda etapa da licença de instalação para o Terminal de Gás Sul na Baía da Babitonga
Compartilhar
Ouvir publicação

O Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), vinculado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE), emitiu a segunda das quatro etapas que constituem a Licença Ambiental de Instalação (LAI) para a construção do Terminal Gás Sul de regaseificação de gás natural liquefeito, na Baía da Babitonga, em São Francisco do Sul. Desta forma a empresa New Fortress Energy (NFE) tem autorização para dar prosseguimento às obras do empreendimento e do Terminal Marítimo Offshore. A previsão é que ele entre em funcionamento a partir de abril.

Vale ressaltar que o prosseguimento do licenciamento, foi possível por meio dos esforços do IMA para consolidar um Termo de Compromisso de Compensação Ambiental para a Atividade Pesqueira, que recentemente foi assinado pela concessionária e a Colônia de Pescadores Z-02. Isso oficializou o compromisso entre as partes e possibilitou a continuidade e sequência da análise das fases do licenciamento ambiental para o empreendimento Terminal Gás Sul, bem como, a subsequente emissão das respectivas Licenças Ambientais de Instalação por parte do órgão ambiental.

Para o presidente do IMA, Daniel Vinicius Netto, a instalação do terminal é um projeto estruturante para o fortalecimento econômico do Estado. “Estamos conduzindo todas as análises técnicas do processo com objetivo de contribuir com o desenvolvimento socioambiental dos municípios do entorno, com a comunidade local, bem como, com o desenvolvimento sustentável de Santa Catarina”, enfatizou Daniel.

O projeto do Terminal Gás Sul prevê a instalação de um Terminal Marítimo (offshore) – Unidade de Armazenamento e Regaseificação Flutuante, mais conhecida como FSRU, que inclui toda a infraestrutura para receber, armazenar, regaseificar e distribuição o Gás Natural (GN), no município de São Francisco do Sul. Também será implantado um gasoduto – trecho submerso (com cerca de 2 km sob a Baía da Babitonga e trecho terrestre, com aproximadamente 31 km, atravessando os municípios de Itapoá e Garuva, e construção e montagem de Estação de Condicionamento de Gás – City Gate (onshore), em Garuva.

“Este foi mais um importante passo para a implantação do Terminal que avança para as últimas etapas. Nossa expectativa é que até abril o TGS esteja em operação o que vai significar um grande divisor de águas para Santa Catarina em relação ao fornecimento de Gás Natural e consequentemente ao desenvolvimento econômico e sustentável do Estado, pois além de possibilitar o aumento da oferta irá atender outras regiões”, afirmou o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE), Luciano Buligon.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Block