Terça, 26/10/2021
Joinville - SC

Hemmer, de Blumenau, é vendida para a gigante Kraft Heinz

setembro 23, 2021
Hemmer, de Blumenau, é vendida para a gigante Kraft Heinz
Compartilhar
Ouvir publicação

O setor de alimentos no Brasil recebeu nesta quinta-feira, 23, a notícia da venda da Hemmer, com sede em Blumenau e uma das mais tradicionais fabricantes do segmento, com um catálogo que inclui mais de 300 itens desde condimentos, molhos, conservas e bebidas.

A empresa, que surgiu em 1915 por iniciativa do empreendedor Heinrich Hemmer, foi adquirida pela Kraft Heinz Company,  multinacional norte-americana de alimentos sediada em Chicago, Illinois, que é atualmente a 5ª maior empresa de alimentos e bebidas mundo, resultante da fusão em 2015 da Kraft Foods com Heinz. No Brasil, a Kraft Heinz é detentora das marcas Heinz, Kraft e Quero, e é líder nos segmentos de ketchup, molhos e vegetais.

O valor da aquisição não foi divulgado e o negócio ainda precisa passar pela aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Em nota, a gigante alimentícia afirmou que o movimento faz parte da expansão da plataforma de produtos International Taste Elevation e da ampliação da marca nos mercados emergentes.

“Esta aquisição nos oferece uma oportunidade valiosa para acelerar nossa estratégia de crescimento internacional centrada em nosso portfólio de produtos de alta qualidade que realçam o sabor dos alimentos”, disse o presidente de setor internacional da companhia, Rafael Oliveira. “A Hemmer é uma empresa lendária no Brasil, com um significativo aumento nas vendas líquidas, e que trará um portfólio diversificado e delicioso de produtos para a Kraft Heinz.”

Com 106 anos de presença no mercado, a Hemmer se consolidou pela confiança do consumidor. A exemplo de muitos outros empreendimentos de Santa Catarina, a empresa surgiu como um negócio familiar. O fundador  elaborava e comercializava o conhecido chucrute (sauerkraut). A matéria-prima era o repolho, por ele cultivado e o transporte da cidade feito em carroça. Nascia, com a iniciativa, a Companhia Hemmer, uma das mais antigas indústrias do Brasil no ramo de alimentos em conserva, nos últimos anos administrada pela quinta geração do fundador e denominada Hemmer Alimentos.

Segundo comunicado da empresa, com a aquisição a Kraft Heinz amplia sua plataforma internacional nas categorias de condimentos e molhos chamada “Taste Elevation”, apoiando sua estratégia de ampliação de presença em mercados emergentes.

A Hemmer vai se beneficiar da rede de distribuição e modelo de atendimento da Kraft Heinz no Brasil, incluindo o canal de atendimento a restaurantes e hoteis “que está crescendo rapidamente”, afirmou a Kraft no comunicado à imprensa.

Atualmente são mais de 700 colaboradores, incluindo representantes comerciais.

A receita operacional líquida da Hemmer atingiu R$ 374,4 milhões em 2020, um crescimento de quase 40% na comparação com 2019. Em números absolutos, foram cerca de R$ 105 milhões a mais em faturamento. O lucro líquido mais que dobrou, passando de R$ 10,6 milhões para R$ 24,6 milhões.

Block