Domingo, 03/07/2022
Joinville - SC

Grupo BMW comemora 70 mil veículos produzidos no Brasil

fevereiro 6, 2022
Grupo BMW comemora 70 mil veículos produzidos no Brasil
Compartilhar
Ouvir publicação

O grupo BMW anunciou na segunda-feira, 21, que atingiu a marca histórica de 70 mil automóveis produzidos em sua fábrica, localizada no município de Araquari. Inaugurada em 2014, a planta é responsável por fabricar modelos destinados ao mercado interno e também para exportação aos países do Nafta (Acordo de Livre Comércio da América do Norte, que inclui Estados Unidos, Canadá e México).

Clique aqui e participe do grupo

de Whatsapp Aconteceu em Joinville

Entre os veículos montados na unidade brasileira, o destaque vai para o SUV compacto X1, que já conta com 35 mil exemplares construídos e é, de acordo com a montadora, um dos veículos premium mais vendidos do País. Não por acaso, a unidade de número 70 mil da fábrica foi um X1 na versão sDrive20i X-Line. Os sedãs da Série 3, e os SUVs X3 e X4 são os outros veículos produzidos no complexo, atualmente.

“Maior fabricante premium do Brasil, a planta de Araquari é motivo de orgulho para o BMW Group em seus mais de seis anos de existência no País. Mesmo diante de um cenário desafiador, conquistamos o importante marco de 70 mil unidades premium produzidas, e esse é somente o início dos planos da marca para o território nacional”, declarou Mathias Hofmann, diretor geral da fábrica do grupo BMW. “Nossa fábrica é um dos motores para seguirmos na liderança do mercado premium nacional e vamos seguir acelerando e acreditando na qualidade e performance do nosso time”, completou.

Com área total de 1,5 milhão de metros quadrados – dos quais quase 113 mil metros quadrados são de área construída –, a fábrica de Araquari conta com atividades de carroceria e soldagem, pintura, montagem e logística, além de laboratórios, prédios administrativos e auxiliares.

A unidade também é exemplo da sustentabilidade e uma das mais modernas do grupo BMW, possuindo vários projetos de redução de energia, uso de água e de emissão de resíduos para descarte, além de utilizar energia proveniente de fontes renováveis, promovendo, com isso, a redução das emissões de CO2 em suas atividades.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Block