domingo,

14/04/2024

Joinville/SC

Search
Close this search box.

Governo de SC lança painel com dados da dengue

Nesta terça-feira, 27, o Governo de Santa Catarina apresentou o Painel para Monitoramento de Casos de Dengue e Chikungunya.

Essa nova ferramenta possibilita o acesso às informações essenciais sobre essas doenças no estado, incluindo o número de casos prováveis, óbitos, faixa etária dos afetados, distribuição dos casos por município e o mapeamento dos focos do mosquito Aedes aegypti.

A Secretária de Estado da Saúde, Carmen Zanotto, enfatizou a importância do painel no apoio às decisões tanto em nível estadual quanto municipal.

Destacou ainda a relevância da transparência dos dados para gestores e cidadãos, ressaltando que o governo estadual está empenhado em auxiliar os municípios no combate à dengue.

Os dados disponíveis no painel são provenientes das notificações feitas pelos municípios no Sistema de Informações de Agravos de Notificação (Sinan On-line e Net) do Ministério da Saúde, bem como dos registros de focos do mosquito Aedes aegypti no sistema Vigilantos da DIVE/SC, e dos resultados dos testes realizados pelo Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN/SC) por meio do Gerenciador do Ambiente Laboratorial (GAL).

O diretor de vigilância epidemiológica do estado, João Augusto Brancher Fuck, ressaltou que o painel aumentará a transparência dos dados, permitindo que as pessoas tenham acesso à situação de seu município e possam contribuir na prevenção da doença.

É importante observar que os dados apresentados no painel são parciais e podem sofrer alterações conforme as informações fornecidas pelas Secretarias Municipais de Saúde.

Serão atualizados diariamente, às 7h e às 13h. Além disso, o painel oferece a possibilidade de aplicar filtros, como ano, classificação dos casos, municípios, região de saúde, sexo e raça, entre outros.

De acordo com os dados mais recentes do painel, Santa Catarina registrou 25.984 casos prováveis de dengue, com 10 óbitos confirmados, e 84 casos prováveis de chikungunya.

A DIVE continuará publicando informes epidemiológicos semanalmente para uma análise mais detalhada do panorama da dengue em Santa Catarina.

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo