Sabado, 16/10/2021
Joinville - SC

Fórum de Joinville passará por reforma e ampliação de 7 mil metros quadrados

agosto 19, 2021
Fórum de Joinville passará por reforma e ampliação de 7 mil metros quadrados
Compartilhar
Ouvir publicação

O presidente do Poder Judiciário de SC (PJSC), desembargador Ricardo Roesler, participa nesta sexta-feira (20/08), às 15 horas, da assinatura do contrato para a elaboração de projetos técnicos de arquitetura e engenharia para reforma e ampliação do Fórum Central da comarca de Joinville. O ato da assinatura será realizado na Biblioteca do prédio, localizada no 4º andar.

O valor total do contrato com a empresa vencedora da licitação, Wind Service Ltda., é de aproximadamente R$ 486 mil – R$ 269 mil para reforma da estrutura e R$ 216 mil para ampliação da estrutura.

De acordo com o diretor de Engenharia e Arquitetura do TJSC, Everton William Tischer, a área a ser reformada é de quase 10 mil m² e a área estimada para ampliação é de  7.300 m². “Os projetos a serem desenvolvidos irão primar ainda pela utilização dos conceitos modernos de Arquitetura Judiciária, garantindo a modulação e flexibilidade dos espaços internos, de forma a facilitar futuras alterações dos ambientes”, destaca o diretor.

Os projetos executivos da reforma global do ambiente irão contemplar a readequação dos espaços físicos forenses a prestação jurisdicional e atendimento aos jurisdicionados; instalações de climatização de ar em toda a edificação; adequações voltadas à acessibilidade e também em respeito as atuais normativas estaduais necessárias à prevenção e combate de incêndios.

Já na parte da ampliação do prédio, os projetos executivos incluem as melhorias nos espaços destinados à segurança da unidade, como: construção de novas celas; acessos privativos para a restrição de circulação dos custodiados e das unidades judiciárias da área criminal; adequações nas salas de audiências para atendimento, além de construção de acessos exclusivos aos veículos do Departamento de Administração Prisional (Deap) e aos magistrados/servidores do TJSC.

Vale ressaltar que os serviços técnicos preveem às premissas de sustentabilidade ambiental preconizadas pelo PJSC, quanto ao projeto de instalação com reuso de água das chuvas e de sistemas prediais de baixa consumo de energia (iluminação e condicionamento de ar).

“Todos estes serviços técnicos preveem uma edificação de qualidade, segura, funcional, flexível e com soluções sustentáveis, melhor adequada às atuais demandas da Justiça de Santa Catarina”, finaliza o diretor Everton William Tischer. Reformas já acontecem na área externa do prédio.

Siga-nos no nosso Instagram para receber notícias da região direto no seu celular. Para participar, basta CLICAR AQUI 

Block