Domingo, 14/08/2022
Joinville - SC

ExpoSuper é sucesso de público e negócios

junho 25, 2022
ExpoSuper é sucesso de público e negócios
Compartilhar
Ouvir publicação

Considerado o maior evento de negócios do varejo de Santa Catarina, a trigésima terceira edição da da ExpoSuper, a Feira de Produtos, Serviços e Equipamentos para Supermercados, juntamente com a Convenção Catarinense de Supermercadistas foi mais uma vez um sucesso de público e de negócios, afirma o presidente da ACATS, Francisco Crestani. Participaram mais de 230 expositores distribuídos em uma área de 11 mil metros quadrados de planta de exposição.

Inscreva-se em nosso canal no YouTube!

Durante três dias, milhares de empresários e profissionais ligados ao setor de compras de supermercados, bem como pessoas que trabalham em todos os setores nas lojas de supermercados de Santa Catarina participaram de atividades de congresso e de exposição nas dependências do Complexo Expoville, em Joinville.

Todos puderam participar das palestras e discussões e visitar os estandes para fechar negócios, fazer amigos ou rever antigas amizades. Este é o espírito do evento, unir negócios, relacionamento e conhecimento – disse ele.

A Associação Catarinense de Supermercados (Acats) manteve a tradição de contar com parcerias já tradicionais na realização da feira, como o pavilhão de produtores familiares da agricultura, junto com a Epagri, o espaço da Associação dos Distribuidores Atacadistas de SC com a Fecomércio / Senac SC (Carreta-Escola) e com o Sebrae/SC.

A estimativa de público total presente nos três dias de evento e incluindo também a solenidade de abertura no dia 20.06 chega a mais de 22 mil pessoas, mas a ACATS não considera a quantidade de público o referencial mais importante.

Queremos sempre reunir um grande público, mas a quantidade em si não é o principal, e sim a qualidade de quem nos visita. Nossa feira não é aberta ao público em geral, temos o foco nos empresários e compradores, aqueles profissionais da área comercial das empresas. Montamos um ambiente para a realização de negócios, este é o nosso foco principal, o motivo pelo qual os expositores se apresentam nos seus estandes – afirma o dirigente.

Por outro lado, a projeção de negócios ficou em torno de R$ 500 milhões a R$ 550 milhões de pedidos formalizados no período do evento, ainda com uma previsão de novos fechamentos no pós-evento de mais de R$ 1,5 bilhão (90 dias).

Em muitos casos, o contato na feira é o ponto de partida de um novo negócio que será finalizado posteriormente. Temos expositores que trabalham com uma escala de 1 para 3 em média e até de 1 para 5 no pós-evento. Significa que o potencial no pós-feira pode alcançar um resultado de três a cinco vezes maior em vendas.

Isso não quer dizer que todos os expositores irão alcançar este patamar, porém, temos informações de experiências em anos anteriores de que os fechamentos depois da feira acontecem com muita força – disse o presidente da ACATS, Francisco Crestani.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Block