Quarta, 29/06/2022
Joinville - SC

Deputado estadual Arthur do Val diz em áudio que ucranianas ‘são fáceis porque são pobres’,

março 5, 2022
Deputado estadual Arthur do Val diz em áudio que ucranianas ‘são fáceis porque são pobres’,
Compartilhar
Ouvir publicação

Em um áudio enviado para colegas do Movimento Brasil Livre (MBL), o deputado estadual Arthur do Val (Podemos), conhecido como Mamãe Falei, teria dito que as ucranianas “são fáceis porque são pobres”. O parlamentar esteve na Eslováquia, que faz fronteira com a Ucrânia, para auxiliar os refugiados e retratar o conflito no leste europeu. As informações do colunista Igor Gadelha do Metrópoles.

 

“E aqui minha carta do Instagram, cheia de inscritos, funciona demais. Não peguei ninguém, mas eu colei em duas ‘minas’, em dois grupos de ‘mina’, e é inacreditável a facilidade.”

“Só vou falar uma coisa para vocês: acabei de cruzar a fronteira a pé aqui, da Ucrânia com a Eslováquia. Eu juro, nunca na minha vida vi nada parecido em termos de ‘mina’ bonita. A fila das refugiadas… Imagina uma fila sei lá, de 200 metros, só deusa. Sem noção, inacreditável, fora de série. Se pegar a fila da melhor balada do Brasil, na melhor época do ano, não chega aos pés da fila de refugiados aqui”, completou.

Em outro trecho, Arthur do Val teria utilizado mais palavras de baixo calão para descrever as mulheres ucranianas.

O que diz o MBL

Segundo a colunista Mônica Bergamo da Folha de S.Paulo, a cúpula do MBL afirmou, nesta sexta-feira (4), que irá analisar os áudios de teor sexista que supostamente foram enviados pelo deputado estadual Arthur do Val.

Repercussão

Logo após a divulgação dos supostos áudios, o pré-candidato ao Planalto, Sérgio Moro (Podemos), decidiu romper com o deputado, que, até então, era pré-candidato do Podemos ao governo de São Paulo.

Em nota nas redes sociais, Moro lamentou e repudiou as declarações de Arthur do Val. “O tratamento dispensado às mulheres ucranianas refugiadas e às policiais do país é inaceitável em qualquer contexto. As declarações são incompatíveis com qualquer homem público”.

“Jamais dividirei meu palanque e apoiarei pessoas quem têm esse tipo de opinião e comportamento. Espero que meu partido se manifeste brevemente diante da gravidade que a situação exige”, completou.

A cúpula do Movimento Brasil Livre (MBL) está analisando o conjunto dos áudios e informou ainda não ter conseguido entrar em contato com o deputado, que está em um voo da Europa para o Brasil.

Block