Terça, 17/05/2022
Joinville - SC

Cidade do Litoral Norte quer proibir venda de bebidas para quem estiver bêbado

maio 12, 2022
Cidade do Litoral Norte quer proibir venda de bebidas para quem estiver bêbado
Compartilhar
Ouvir publicação
Balneário Piçarras quer proibir a venda de bebidas alcoólicas para quem estiver embriagado, inclusive com previsão de multa e interdição em caso de descumprimento (se a proposta for aprovada).

 

O projeto enviado pela prefeitura no início de maio foi lido na sessão de quarta-feira na Câmara de Vereadores e agora será analisado pelas comissões do Legislativo. O principal objetivo da proposta, conforme a prefeitura, é a prevenção de ações “delituosas” com relação com o “consumo excessivo de bebidas alcoólicas em vias públicas”.

O projeto do Executivo quer a proibição de venda e fornecimento de bebidas alcoólicas para quem estiver em “notório estado de embriaguez”. A restrição, inclusive de servir, é proposta para os estabelecimentos comerciais da cidade. O projeto também prevê que os estabelecimentos comerciais tenham de acionar agentes de segurança pública em caso de presença de pessoas embriagadas que estejam causando perturbação.

As penalidades previstas são multa e interdição e cassação do alvará do estabelecimento, em caso de reincidência. Na justificativa, a prefeitura de Balneário Piçarras cita decreto federal de 1941, no qual a embriaguez em locais públicos é considerada contravenção.

“O objetivo e a necessidade desta lei é prevenir as ações delituosas relacionadas ao consumo excessivo de bebidas alcoólicas em vias públicas”, alega o município na justificativa.
A elaboração da proposta teve sugestões da Polícia Militar. Na sessão de quarta-feira, o comando da PM na cidade se manifestou na sessão. Em defesa da proposta, foi alegado que é para evitar a “quebra da ordem pública” e outras situações provocadas pelo consumo em vias públicas.  
Fonte: Saveedra/DC

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Block