Últimas notícias
Home » Joinville » Bolshoi Brasil forma sua 11ª turma
    
Os eventos ocorrem no Teatro Juarez Machado

Bolshoi Brasil forma sua 11ª turma

Compartilhe

Nos dias 14, 15 e 16 de dezembro, a Escola Bolshoi promove sua 11ª formatura de Dança Clássica. Neste ano, 19 bailarinos se formam e recebem o certificado de profissionais da dança.




Para celebrar este momento, serão apresentadas duas noites de espetáculos, nos dias 14 e 15 de dezembro, às 20h e no dia 16 de dezembro, às 10h30, a Colação de Grau. Os eventos ocorrem no Teatro Juarez Machado, em Joinville/SC e são exclusivos para convidados dos formandos.

O espetáculo será vibrante, uma característica especifica dessa turma. Um dia, apresentam trechos do Balé Don Quixote e no outro do Quebra-nozes, além de variações de outros balés aclamados. Nas duas noites, o segundo ato é composto pela estreia de Kaori, criado pelo jovem coreografo William Almeida.

Kaori foi criado para os formandos de 2018, e significa fragrância. O trabalho é baseado em momentos marcantes da vida de Wiliam, que buscou transmitir lembranças, através de fragmentos interpretados por todos os bailarinos. Eles se revezam durante toda coreografia, em um contemporâneo vibrante e emocionante, que retrata histórias reais, e trás ao palco cheiros que simbolizam estes momentos. Foram meses de estudos e de construção, e o resultado será apresentado para os convidados especiais dos formandos.

Intercâmbio de conhecimento no Teatro Bolshoi

A formatura é um marco para a carreira destes bailarinos, que se preparam para ingressar no mercado de trabalho e trilhar seus caminhos, agora como profissionais. Mas o ano de 2019 já começa com grandes emoções para quatro formandos. Daran Ferreira, Laura Vasconcelos, Rafael Vedra e Raquel Zoega foram convidados, por se destacarem no decorrer de seus estudos e pelo bom desempenho em aulas, a realizarem um estágio profissional no Teatro Bolshoi de Moscou, com o propósito de agregar experiência e contribuir para a melhoria artística dos trabalhos realizados pela Escola.

No mês de janeiro, eles viajam a Moscou e por 20 dias vão vivenciar uma oportunidade única de conhecer os bastidores e a rotina nos bailarinos de um dos maiores teatro do mundo, juntamente com a bailarina da Cia Jovem Beatriz Cavalcanti e com os professores Bruna Lorrenzzetti e Maikon Golini, que os acompanham para aperfeiçoar a técnica aplicada no Bolshoi Brasil.

A Escola Bolshoi, como filial do Teatro Bolshoi de Moscou, tem a oportunidade de realizar esse intercâmbio com profissionais e alunos, para proporcionar ao público a qualidade esperada em suas apresentações artísticas e ensino da dança. “Este estágio tem como objetivo possibilitar aos alunos e professores, um aperfeiçoamento profissional no Teatro Bolshoi de Moscou, adquirindo experiência e vivência internacional. A Escola Bolshoi tem a intenção de continuar buscando os acordos com o Teatro, no sentido de manter esta prática”, comenta Pavel Kazarian, diretor do Bolshoi Brasil.

Histórias que emocionam

Transformação. Este é o resultado de uma grande mudança na vida de 19 bailarinos que se formam em 2018 na Escola Bolshoi. Desde que ingressam na instituição, os alunos são estimulados a correr atrás de seus sonhos, a batalhar por seus objetivos e são educados a ser cidadãos comprometidos com a sociedade. Eles passam por grandes transições, tanto na rotina quanto na forma de encarar o mundo. E quando este ciclo se encerra, é o momento de voar sozinhos, agora como profissionais.

Muitas vezes as mudanças são geográficas também. Luiz Fernando Xavier é um exemplo. O bailarino veio de Araraquara/SP, e trouxe a família junto para viver esse sonho. Mas o que Luiz não imaginava é que sua rotina puxada de aulas e as apresentações de dança inspirariam seu irmão mais novo, Murilo, aprovado na Seleção de 2018, a seguir seus passos. “Percebi uma mudança no comportamento dele, pois sempre fez questão de assistir a minhas apresentações e não perde as aulas de balé por nada. Ele se inspira em mim, e isso me motiva a ser cada vez melhor. O apoio da família está sendo fundamental nestas mudanças, pois enquanto pra ele é um momento de descobertas, pra mim é de transformação”, completa Luiz.

Para a aluna Laura Vasconcelos, foi muito difícil viver esses anos longe da família, que mora em Natal/RN. Mas as dificuldades que enfrentou, principalmente por estar sozinha, impulsionaram a futura bailarina a seguir em frente, e hoje ela sonha alto: “A Escola Bolshoi me fez acreditar em mim, no meu talento, e me apoiou para não desistir. Sou muito grata por tudo que vivi, inclusive pelas barreiras que enfrentei, pois me fizeram mais forte e confiante. Sei que, a partir de agora, só depende de mim, de minha determinação e da minha força para continuar realizando meus sonhos”, conclui Laura.

About Redação

Redação
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do editor da revista. O portal de notícias Aconteceu em Joinville tem o compromisso de levar a informação a população joinvilense através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.
error: Todos os direitos reservados - Aconteceu em Joinville