Sexta, 19/08/2022
Joinville - SC

Atleta do time de basquete do CEPE participa de treinamento com a seleção brasileira sub-23

julho 25, 2022
Atleta do time de basquete do CEPE participa de treinamento com a seleção brasileira sub-23
Compartilhar
Ouvir publicação

O atleta João Padilha, embarcou o Rio de Janeiro para integrar o time de atletas convocados para semana de treinamento da seleção brasileira sub-23 de basquetebol em cadeira de rodas. O treinamento visa preparar equipe para o campeonato mundial que será realizado na Tailândia, no mês de setembro. O treinamento acontece até 31 de julho, na cidade de Niterói.

Inscreva-se em nosso canal no YouTube!

E o histórico do atleta é vitorioso. Padilha participou da equipe que em 2021, no México, que conquistou o Brasil para o mundial. Também esteve no Parapan em 2017 e é um dos destaques da equipe de Joinville no campeonato catarinense. No último ano foi o cestinha da competição. Ele é natural João é natural de Pitanga, no interior do Paraná, mas cresceu em Joinville. Padilha foi formado nas equipes de base do CEPE e a suas convocações servem de inspiração para a continuidade do trabalho.

Com o início do campeonato estadual no mês de junho, Padilha viajou animado para a etapa de treinamento. “Essa é mais uma oportunidade para que eu possa manter meu ritmo de jogo e mostrar todo meu repertório para lutar por uma das vagas para o mundial”, comentou o atleta antes de embarcar.

Há 10 anos o atleta, ainda um adolescente, aos 13 anos, começou a participar do CEPE e logo desenvolveu uma paixão pelo basquete em cadeiras de rodas. Com 15 anos ele estreou na equipe de basquete que representa a cidade de Joinville nas competições. Para a técnica da equipe de Joinville, Aninha Teixeira, é um orgulho o crescimento dos atletas.

“Somos o primeiro clube paralímpico de Santa Catarina, agora em agosto comemoramos 20 anos de atuação e temos um histórico de fomento e de formação de atletas que despontaram mundialmente. Isso tudo nos fortalece e nos faz crer que estamos no caminho certo, que todo o trabalho vem rendendo frutos, seja no alto rendimento ou também nas atividades com as crianças”, finaliza Aninha.

Block