Sexta, 23/07/2021
Joinville

Ação policial apreende 24 toneladas de maconha escondidas em carga de soja em SC

julho 1, 2021
Ação policial apreende 24 toneladas de maconha escondidas em carga de soja em SC
Compartilhar
Ouvir publicação

24.277 quilos de maconha. Este é o saldo de uma das maiores apreensões da droga já registradas em Santa Catarina, fruto de ação conjunta entre Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Federal (PF) e Polícia Militar (PMSC).

Participe do grupo de Whatsapp Aconteceu em Joinville – Clique Aqui

 

A maconha estava em um bitrem Scania placas de Abelardo Luz/SC, abordado na tarde de ontem (30/06), na BR 282 em Rancho Queimado. Os fardos foram ocultos em meio à carga de soja a granel, com nota fiscal destinada a São Francisco do Sul. O veículo foi trazido na manhã de hoje (quinta), para Florianópolis, onde a maconha foi separada da carga de soja, em um trabalho que durou quase cinco horas. Os fardos estavam marcados com figuras diferentes, o que demostra pertencerem a grupos criminosos distintos ou a locais de entrega pré-definidos.

Participe das PROMOÇÕES do AJ no You Tube – Clique aqui e se inscreva

Por meio de troca de informações entre as três forças de segurança, foi possível identificar e localizar o veículo suspeito, que vinha de Ponta Porã/MS, e fazer a abordagem na rodovia federal. O motorista, catarinense de 32 anos, disse que levaria a carga até Palhoça/SC, onde se encontraria com outra pessoa que faria a distribuição.

O homem foi conduzido até a sede da Polícia Federal em Florianópolis, para lavratura do auto de prisão em flagrante. O investigado responderá pelo crime de tráfico de drogas (art. 33 da Lei n. 11.343/06), cuja pena vai de 5 a 15 anos de reclusão. O inquérito policial instaurado a partir da prisão em flagrante do condutor irá apurar a participação de outras pessoas no crime.

A Polícia Rodoviária Federal, a Polícia Federal e a Polícia Militar de Santa Catarina ressaltam a importância da integração e cooperação entre as forças policiais no combate ao tráfico de drogas. Cada órgão atuou com o que tem de melhor, resultando neste prejuízo financeiro estimado em 24 milhões de reais ao crime organizado.

Siga-nos no nosso Instagram para receber notícias da região direto no seu celular. Para participar, basta CLICAR AQUI

Não é permitido replicar o conteúdo desse site.