Home » Variedades » Frio e ar condicionado podem causar doença conhecida por olho seco
Colégio Tupy
Image by rawpixel.com
Image by rawpixel.com

Frio e ar condicionado podem causar doença conhecida por olho seco

Mais comum do que parece, a Síndrome do Olho Seco surge devido a diversos fatores, estando principalmente associada a condições que causam inflamação nas pálpebras, sendo elas conhecidas como blefarite e meibomite. Além disso, pode ocorrer por reumatismo, utilização de remédios antidepressivos ou alterações hormonais como ocorre na menopausa. Os fatores ambientais também são muito importantes e podem causar a síndrome ou piorar os sintomas em quem já os tem, sendo importante destacar o ressecamento causado pelo frio e pelo ar condicionado. A idade também é outro fator determinante, já que a produção de lágrima é reduzida com o envelhecimento.

Dr. Gabriel de Almeida Ferreira, especialista em olho seco do Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem

Segundo o médico Dr. Gabriel de Almeida Ferreira, especialista em olho seco do Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem, empresa do Grupo Opty, os sintomas são bem incômodos: sensação de areia nos olhos, coceira, ardor, vermelhidão, embaçamento visual, entre outros. “A lágrima, formada por água, muco e gordura, é importantíssima para enxergar bem e para lubrificar os olhos. Quando não diagnosticado e tratado corretamente, o olho seco pode provocar inflamação na córnea e até causar infecções.”, comenta o médico.

Tratamento

No caso de o problema ser a inflamação das pálpebras, o tratamento é focado nela, com o objetivo de melhorar a qualidade da lágrima. Já em casos de reumatismo, o tratamento é específico para esta doença. Existem diversos tratamentos que vão desde uso de colírios de lágrima artificial até uso de antibióticos. “Dependendo do caso, os colírios lubrificantes podem ser suficientes, mas muitas vezes precisamos associar anti-inflamatórios e antibióticos”, destaca o especialista. Porém vale destacar, que a automedicação é sempre perigosa. “Ao menor sinal de alteração ou desconforto, é importante procurar um oftalmologista para que o diagnóstico seja preciso e o tratamento seja correto”, comenta Dr. Gabriel.

Image by rawpixel.com

Segundo o médico, outras medidas também ajudam a estimular a produção e melhorar a qualidade da lagrima. “Beba bastante água e inclua fontes de ácidos graxos na alimentação, como semente de linhaça, óleo de peixes e amêndoas, além de frutas, verduras e legumes ricos em vitaminas A e E”. Já para as atividades no computador, a recomendação é posicionar a tela 30 graus abaixo da linha dos olhos, fazer pausas de 5 minutos a cada hora de trabalho e piscar voluntariamente. Também evite que o fluxo do ar condicionado fique direcionado ao seu rosto, pois o vento e o frio podem piorar os sintomas.

 

 


Gostou do conteúdo? Me acompanhe também no Instagram (@marianawoj), posto vários assuntos lá. Até a próxima.

Facebook Comments

About Mariana Woj

Mariana Woj
Mariana Woj é jornalista, editora da Revista Babies e atua na área de comunicação há mais de dez anos, com passagens por renomadas revistas, empresas e eventos da cidade. Tem formação no IELUSC e especialização em Relações Públicas, pela Sustentare.
error: Todos os direitos reservados - Aconteceu em Joinville