Home » Brasil » Receita Federal aponta manobras tributárias de empresários ligados a Bolsonaro
VOGEL PAINÉIS
A Receita Federal multou oito empresários ligados ao governo Jair Bolsonaro por supostas manobras tributárias

Receita Federal aponta manobras tributárias de empresários ligados a Bolsonaro

Oitos dos mais destacados empresários apoiadores de Bolsonaro receberam multas que chegam a R$ 650 milhões por sonegação. Um deles é Salim Mattar, dono da Localiza e secretário de Desestatização e Privatização do Ministério da Economia, um homem de confiança de Paulo Guedes. Luciano Hang é o recordista em infrações e deve ao menos R$ 57,9 milhões.

s
 a
a
S

A Receita Federal multou oito empresários ligados ao governo Jair Bolsonaro por supostas manobras tributárias. Eles devem R$ 650 milhões à atual gestão. Entre as irregularidades apontadas está a simulação de operações de compra e venda de aeronaves.

A Receita vê também uso de documentos falsificados para recolher contribuições previdenciárias. Um dos multados é Salim Mattar, dono da  Localiza e secretário de Desestatização e Privatização do Ministério da Economia, um homem de confiança de Paulo Guedes.

a
Sua empresa em destaque, Informações só clicar aqui

a

Facebook Comments

About Redação

Redação
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do editor da revista. O portal de notícias Aconteceu em Joinville tem o compromisso de levar a informação a população joinvilense através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.
error: Todos os direitos reservados - Aconteceu em Joinville