Últimas notícias
Home » Joinville » Campanha vai incentivar o uso do Aeroporto Lauro Carneiro de Loyola
VOGEL PAINÉIS
O objetivo é desmistificar a informação de que Joinville tem voos sendo cancelados.

Campanha vai incentivar o uso do Aeroporto Lauro Carneiro de Loyola

Compartilhe

Desde 2014, o Aeroporto Lauro Carneiro de Loyola, em Joinville, tem recebido investimentos em equipamentos de tecnologia e segurança para operação das aeronaves e mais conforto aos passageiros. Desde então, no primeiro ano de funcionamento do ILS (sistema de pouso ou aterragem por instrumentos), por exemplo, somente um voo foi cancelado por falta de visibilidade. Do contrário, seriam 102 decolagens ou pousos não realizados.

Participe do Facebook  Aconteceu em Joinville – Clique Aqui

Siga-nos também no Instagram!  Aconteceu em Joinville – Clique Aqui!



Ainda assim, o número de passageiros tem se mantido próximo dos 500 mil por ano, mas o terminal de Joinville tem capacidade para operar com 1,3 milhão de pessoas.  Para aumentar a movimentação de passageiros e obter um maior número de voos, o grupo Voe por Joinville prepara uma campanha, com lançamento previsto para maio.

Ações para desmistificar informações

A mobilização terá vídeo institucional para uso em TVs e redes sociais, spots para rádios, outdoors no município, nas rodovias e cidades da região, contato com grandes empresas que detêm alto número de executivos que se deslocam por Curitiba ou Navegantes, conversa formal com autoridades do setor de aviação nacional, uso da hashtag #VoePorJoinville e o apoio da imprensa. “Mais tempo, mais conforto e mais segurança” será o mote da campanha.

“O objetivo é desmistificar a informação de que Joinville tem voos sendo cancelados. Depois, incentivar que na próxima viagem as pessoas escolham voar por aqui. Com isso acreditamos aumentar o número de usuários e ter mais horários e novos destinos”, avalia Danilo Conti, secretário de Planejamento Urbano e Desenvolvimento Sustentável.

Integram o Voe por Joinville a Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), a Associação Empresarial de Joinville (Acij), a Associação dos Comerciantes de Material de Construção de Joinville (Acomac), a Associação de Joinville e Região da Pequena, Micro e Média Empresas (Ajorpeme), a Prefeitura de Joinville, o Joinville e Região Convention e Visitors Bureau, o Sindicado de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (VivaBem) e agências de turismo.

“Os joinvilenses precisam se mobilizar, assim como as entidades, para incentivar o uso do nosso aeroporto”, defende o presidente CDL, José Manoel Ramos. “Novos investimentos, passagens mais acessíveis, mais voos, horários e destinos diferenciados dependem do movimento da classe política, das entidades e da sociedade civil organizada”, avalia o presidente da Acij, João Martinelli.

Paralelamente, o governo federal segue com as tratativas para conceder o terminal à iniciativa privada em 2020, com nova gestão a partir de 2021.

Investimentos realizados

O sistema de pouso e decolagem chamado de Instrument Landing System (ILS) foi homologado em junho de 2014. A categoria do equipamento permite aproximação a partir de 60 metros de altura e contato visual com a pista a partir de 550 metros.

Em seguida houve a instalação dos equipamentos de aproximação e pouso em situações climáticas adversas (RNP-AR). Por fim, a integração das salas de embarque e desembarque às aeronaves, conhecido como sistema ELO ou fingers terrestres. O local também recebeu obras de drenagem na pista. O acesso ao Aeroporto Lauro Carneiro de Loyola foi duplicado em 2018.

(Fotos: Divulgação Infraero)

About Redação

Redação
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do editor da revista. O portal de notícias Aconteceu em Joinville tem o compromisso de levar a informação a população joinvilense através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.
error: Todos os direitos reservados - Aconteceu em Joinville