Últimas notícias
Home » Joinville » Quer se refrescar? Rios são opções para aproveitar o verão
VOGEL PAINÉIS
Foto Divulgação - Aconteceu em Joinville

Quer se refrescar? Rios são opções para aproveitar o verão

Compartilhe

Quando se fala em belezas naturais, não dá para não lembrar da região norte do estado e da sua variedade de lugares para aproveitar. Joinville tem diversas opções para quem quer se refrescar. Moradores e turistas de todos os cantos podem aproveitar os rios da região para passeios ou apenas para se banhar e dar uma relaxada.




ros produtos coloniais, e conhecer o processo de fabricação caseiro do melado e da cachaça.

Atrações: Grande área para visitação dentro da mata atlântica, passando sobre a ponte pênsil do rio Pirabeirabinha. Além de usufruir de banhos em águas cristalinas, o visitante também pode usar as churrasqueiras espalhadas pelo bosque para preparar o almoço com a família e amigos.

O recanto fica aberto apenas nos finais de semana. Um restaurante de construção rústica oferece comida caseira, carnes e marreco assado em forno a lenha nos sábados e domingos a preço de mercado, Não é cobrada taxa de entrada para visitação.

 

Recanto Tia Marta

Usina Rio Piraí

O caminho mais fácil é percorrer toda a rua 15 de Novembro (saindo do pórtico da entrada de Joinville) até o final. No semáforo do cruzamento com a Estrada do Arroz, você segue reto e já estará na Estrada Blumenau. Vai percorrer cerca de 1 km e encontrará um pórtico à direita com os dizeres (Turismo Rural – Estrada Piraí). Tome esta estrada que tem o nome de Comprida por 5 km, onde encontrará uma bifurcação. Siga à esquerda com destino à Estrada Salto 1 e vá até o final, num percurso aproximado de 6 km. Com certeza, você fará este trajeto várias vezes.

Usina do Piraí

Praia do Vigorelli

Muita gente não sabe, mas Joinville tem, de fato, uma praia. A praia do Vigorelli, que fica na Vila Cubatão. A praia banhada pela Baía da Babitonga, possui diversos bares em sua orla. Areia é rara, mas os pedregulhos são encontrados aos montes, a água é escura, mas ao contrário do que muitos dizem, ela é própria para banho e é bem frequentada pela população e por pescadores.

Praia da Vigorelli

Rio Três Barras

A entrada para a estrada que da acesso ao rio é  sinalizada por uma espécie de totem localizado às margens da BR-101, sentido Curitiba-Joinville. Caso esteja vindo de Joinville, pegue o primeiro retorno logo após a balança de Garuva. Após andar cerca de 2,5km nesta estrada chega-se ao estacionamento.

Atrás do Monte Crista, nasce o rio que virou refúgio de moradores e turistas no verão, em dias quentes, não é difícil de ver banhistas se refrescando nas águas rasas do rio Três Barras. Na água transparente é possível enxergar o fundo de areia e algumas pedras que tornam o extenso leito do rio bonito e atrativo.

DSC09027

Rio Três Barras

Mas, apesar das belezas, o rio esconde perigos. O principal deles é a popular “cabeça d’água”. Quando chove na serra, a água desce com força, formando uma enxurrada quando chega na comunidade de Três Barras, nas proximidades da ponte de arame, início da subida do Monte Crista.Cabeça d’ água é uma chuva forte local que dura no máximo uma hora e causa o aumento do nível das águas no rio, normalmente ocorre nas regiões da Serra do Mar.

O que acontece quando vem uma Cabeça d’ Água?

Se você esta tomando um banho de cachoeira, rio ou esta trilhando na serra do mar dentro dos rios, fique atento, a tromba d’água vem repentinamente e não precisa estar chovendo para isso acontecer. Exemplo: Choveu na cidade a 2 km do rio que você esta, se o seu rio for continuação do rio desta cidade pode ter certeza que a cabeça d´água esta por vir.

Cabeça d’ água é uma chuva forte local que dura no máximo uma hora e causa o aumento do nível das águas no rio

Confira alguns cuidados devem ser observados para garantir a segurança ao tomar banho de rio:

— Escolher um lugar seguro: procure informações sobre a profundidade do rio e do local;
— Observe a correnteza e verifique a existência de obstáculos como troncos, pedras ou galhos;
— Verifique as condições climáticas e eventos naturais, como enxurradas;
— Evite mergulhar, o risco de acidente é maior;
— Se comer, evite entrar na água;
— As crianças devem estar sempre com adultos;
— Evite ficar em áreas com grande profundidade;
— Procure ficar próximo das margens e perto de pessoas.

Outras dicas que também podem ajudar:
— Procure materiais flutuantes como boias, bolas, câmara de pneu para arremessar a uma pessoa que esteja se afogando;
— Use um bambu, vara ou toalha para tentar ajudar a pessoa a sair da água;
— Nunca use as mãos ou tente salvá-la se não tiver experiência. A pessoa em perigo está desorientada, pode agarrar quem tenta socorrê-lo e causar risco de afogamento a ambos;
— Muita atenção: após dias de chuva, rios apresentam forte correnteza e presença de vegetação e pedaços de madeira arrancados das margens.

About Redação

Redação
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do editor da revista. O portal de notícias Aconteceu em Joinville tem o compromisso de levar a informação a população joinvilense através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.
error: Todos os direitos reservados - Aconteceu em Joinville